Blog Indaiá Eventos

Planejamento financeiro de casamento – Aprenda a fazer o seu

Casar é o sonho de muitos casais, mas, por vezes a falta de preparo e planejamento deixa esse sonho um tanto amargo. Para facilitar sua vida, ensinamos nesse artigo a desenvolver um planejamento financeiro super eficiente. Anota aí!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Fonte: Reprodução. Imagem ilustrativa

Nem todo mundo se dá bem com economia, finanças e planilhas, mas, para um evento do porte de um casamento, é preciso dedicar bastante tempo ao planejamento financeiro.

A maioria dos casais acaba, ainda durante o planejamento, tendo algum desentendimento por conta do dinheiro e para evitar que você e seu amor tenham mais preocupações que o necessário nessa fase de planejamento e organização, que deve ser prazerosa, preparamos esse artigo com dicas essenciais para fazer seu planejamento financeiro e se casar sem dor de cabeça! Vamos lá?

Saibam o que vocês querem

Saber exatamente que tipo de casamento vocês desejam é um detalhe crucial para fazer o planejamento financeiro, pois cada tipo de cerimônia vai custar uma determinada quantia.

Por exemplo, um casamento civil no cartório custa, aproximadamente R$ 500,00. Um casamento civil em diligência vai custar pelo menos R$ 1.000,00 do cartório + os custos de espaço, buffet e decoração, que não tem um preço fixo. Já um casamento tradicional, com cerimônia religiosa, festa e centenas de convidados custa, em média, R$ 40.000,00.

Antes de simplesmente chamar todo mundo e contratar os fornecedores, perguntem “Que tipo de casamento nós queremos?”. Um casamento na praia só com a família? Um casamento no campo com todo mundo reunido? Uma cerimônia civil bem simples e discreta? Um casamento de princesa com tudo que tem direito?

Definam qual seu sonho e, a partir daí, comecem a pesquisar os custos médios e adaptá-los ao seu gosto.

Estabeleçam um orçamento

Descobrir que vocês não têm como pagar por tudo que sonharam é um baita balde de água fria. Mas, para evitar essa decepção, antes de qualquer outra coisa, estabeleçam um orçamento.

Coloquem no papel o quanto cada um ganha, o quanto cada um gasta, o quanto cada um pode contribuir e com que frequência.

Feito isso, procurem quitar todas as dívidas que têm antes de procurar os fornecedores, para não ter um absurdo de contas para pagar depois e evitar o constrangimento de algum fornecedor não aparecer no dia, afinal, o pagamento deve ser feito, pelo menos parcialmente, antes do casamento.

Quitadas as dívidas e escolhido o tipo de casamento, definam o valor máximo que vocês estão dispostos a gastar com a cerimônia e a festa e, então, comecem a busca por fornecedores. Peçam orçamentos de pelo menos 3 profissionais de cada área, 3 buffers, 3 decoradores, 3 costureiras etc.

Estudem o custo-benefício de cada um e as condições de pagamento, como parcelamento, descontos à vista e afins. E sempre assinem um contrato, sempre mesmo.

Pesquisem por bons fornecedores

No tópico acima falamos um pouquinho sobre os fornecedores, mas como é um assunto de extrema importância, vale reforçar né?

Para fazer a melhor escolha de fornecedores é preciso pesquisar muito e em diversas plataformas.

Consultem os amigos que já se casaram, perguntem sobre quais profissionais e serviços cada um contratou, o que acharam do resultado final, se todo mundo entregou o combinado, se o preço foi justo, entre outras informações relevantes.

Além disso, usem e abusem das redes sociais e da internet como um todo. Quando acharem um fornecedor interessante, procurem no Facebook, Instagram e Pinterest por fotos de seus serviços e busquem comentários e feedbacks de outros casais.

Depois de muita pesquisa, usem aquela estratégia de pedir vários orçamentos.

Tenham uma planilha

Hora de pôr o conhecimento em Excel em prática. Para manterem a organização de tantos valores, não torrar o orçamento e não se perder no meio dos números, vocês precisam de uma planilha muito bem detalhada e com todas as informações referentes ao casamento.

Coloquem na sua planilha o orçamento total, os serviços a serem contratados, os valores de cada um, que porcentagem do orçamento cada serviço vai exigir e cada centavo que entrar ou sair do seu caixa.

Anotem tudo que já foi pago, se houve desconto, se foi parcelado, em quantas vezes e de quantos reais cada uma, gastos extras, imprevistos e tudo o mais. Se possível, mantenham uma quantia reservada para emergências e finjam que ela não existe, a menos que seja muito necessário utilizá-la.

 

Uma dica final é: se programem, principalmente para um casamento grande. Se deem tempo para economizar, organizar a futura casa e pagar tudo que for possível com alguma antecedência, assim, depois do grande dia é só alegria e muito amor!

Esperamos que nossas dicas tenham ajudado e que vocês se organizem direitinho para se casar sem ter problemas referentes ao dinheiro. Até a próxima!

O Indaiá Eventos é com certeza um local diferenciado para a realização do seu evento, seja ele um pré weeding, casamento, aniversário, formatura ou confraternização. Possui, ambientes modernos, agradáveis, opções de buffet, além da maravilhosa vista panorâmica tanto no espaço em Itapema, cercado pela mata atlântica, como no espaço em Florianópolis que oferece a maravilhosa vista da Lagoa da Conceição. 

Ainda está com dúvida, onde realizar o seu evento dos sonhos ou quer receber mais detalhes e conhecer as diferenças de cada local? Então não perca mais tempo e solicite um orçamento! Será um prazer receber o seu contato e poder construir juntos esse momento especial.

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

Veja também